quinta-feira, abril 20, 2006

Espécies de mau tempo

Fui ontem à manifestação convocada pelo blog http://ruadajudiaria.blogspot.com.
Fazia 500 anos sobre o massacre de milhares de judeus, no largo de S. Domingos.
Foi há muito tempo. Pois foi! E por isso estava lá pouca gente. E também porque ninguém sabia a que horas era. Podemos ir lá a qualquer hora, o que não é comum, entre os dias 19 e 21 de Abril.(Por esta data, abre o casino de Lisboa, o que distrai a atenção) (onde irei quando tiver tempo.)
Foi há muito tempo, 500 anos. Foi há pouco tempo. A prova disso é que apareceram lá uns tipos a falar alemão e a dar vivas ao Hitler.
Foi assim há tão pouco tempo???
Foi há relativamente pouco tempo que todos os canais de televisão noticiaram a notícia falsa de que tinha havido um arrastão de negros. E logo a seguir houve manifestações contra os negros. E depois toda a gente percebeu ( finalmente!!!!) que era mentira!
No caso dos judeus, há 500 anos, foi assim: como havia peste em Lisboa e a família real estava fora, o povão entendeu que tinha havido um milagre na igreja de S. Domingos. Alguém disse que não era milagre, mas apenas ilusão de óptica. Alguém achou (talvez dois frades de S. Domingos, que foram condenados à morte por terem achado), que os judeus deviam ser todos mortos.
Nessa época (como agora) não havia judeus em Portugal (todos tinham sido baptizados à força e transformados em cristãos-novos). Sendo assim, fizeram uma fogueira com vivos e mortos no Rossio e em são Domingos!!! Que fica ao lado do Rossio.
Terra Imunda

Citando o Dalai-Lama:
"Só existem dois dias em que não podemos fazer nada: ontem e amanhã, viva o presente" - Dalai Lama

1 comentário:

juanolla disse...

Gostei de te ler.